Petrópolis – Palácio Rio Negro

O prédio foi construído para abrigar o Barão do Rio Negro, em 1889. Porém, foi adquirido pela União em 1903 e, desde então, funcionava como casa de veraneio para os Presidentes da República.

Petrópolis (9 de 7)

Manuel Gomes de Carvalho Filho, primeiro e único barão do Rio Negro (Barra Mansa, 27 de abril de 1836 — Paris, 27 de dezembrode 1898) foi um fazendeiro, capitalista e nobre brasileiro.

O palácio era muito usado como residência de verão quando a cidade do Rio de Janeiro era a capital do Brasil. Quando a capital do país se tornou Brasília, a vinda de presidentes para o Palácio diminuiu drasticamente.

Petrópolis (6 de 7)

O palácio não foi usado entre as décadas de  1970 e 1980. Apenas no mandato do Presidente Fernando Henrique Cardoso, na década de 1990, retomou o uso do palácio para férias breves. O mais recente hóspede foi o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva.

Petrópolis (3 de 7)

Desde então, nenhum presidente o visitou.

Getúlio Vargas foi o presidente mais assíduo, lá estando em todos os verões ao longo dos dezoito anos que governou o país.

Os presidentes que passaram por lá foram:

Rodrigues Alves, Afonso Pena, Nilo Peçanha, Hermes da Fonseca, Wenceslau Braz, Epitácio Pessoa, Artur Bernardes, Washington Luiz, Getúlio Vargas, Eurico Gaspar Dutra, Juscelino Kubitscheck, João Goulart e Costa e Silva, Fernando Henrique Cardoso e Luís Inácio Lula da Silva.

A entrada é franca.

Horários:

De 3ª a sábado e feriados, das 10h às 17h.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s