O que fazer em Arequipa

Arequipa é a segunda maior cidade do Peru. E, com o aumento das viagens culturais e arqueológicas para o Peru, teve seu turismo crescente, em sua maioria, para fazer o tour pelo Cânion del Colca, o mais profundo cânion do mundo.

Porém, a cidade conta com muito mais que apenas a região do valle del Colca. E, esse post é feito para dar algumas dicas do que conhecer em seu tempo livre por Arequipa.

A cidade de Arequipa conta com quase 1.000.000 de habitantes. Além de estar localizada a 2300 metros de altitude, em um vale das montanhas desérticas da cordilheira dos Andes, e rodeada por vários picos, entre os quais o de Misti, com cerca de 5822 metros de altitude.

A cidade foi fundada sobre uma cidade característica de cultura inca. E por isso, existe grande sincretismo religioso nas ornamentações das igrejas.

É mundialmente conhecida como “A cidade branca”, por ter grande parte dos edifícios construídos numa espécie de rocha vulcânica de cor branca, designada de “sillar”. E desde 2000, tem seu nome escrito na lista de Patrimônio Mundiais.

Eu falo da minha experiência por Arequipa aqui.

  • Plaza de Armas de Arequipa
Plaza de Armas de Arequipa
Plaza de Armas de Arequipa

Considerada uma das mais bonitas Plazas de Armas do Peru. Fica bem no centro histórico da cidade, e a maioria das construções são feitas de pedra sillar, pedra branca de origem vulcânica.

Ao seu redor fica Catedral de Arequipa, construída em 1540, o ano de fundação da cidade. Sua arquitetura mudou algumas vezes, porque a cidade passou por cinco terremotos e um grande incêndio.

  • Catedral de Arequipa

Catedral de Arequipa
Catedral de Arequipa

A Catedral de Arequipa é uma das construções mais imponentes de Arequipa, funciona diariamente e é enorme. Gaste pelo menos meia hora para admirar sua arquitetura e suas artes sacras.

Do lado, funciona um museu de arte sacra da cidade, e cobra-se 5 soles para entrar.

  • Museu dos Santuários Andinos
Museu dos Santuários Andinos -
Museu dos Santuários Andinos – Imagem da internet por: Embark

Também não pude visitar o museu. Porém, no local, encontra-se inúmeros artefatos arqueológicos da região de Arequipa, incluindo o Valle del Colca e Chivay. Objetos pré-colombianos de etnias como Nazca, Inca e Tinawaku e peças do período colonial.

A grande atração do museu é a múmia de Juanita, uma menina inca que, aos 12 anos, foi sacrificada aos deuses e deixada nas montanhas nevadas ao redor da cidade. Só em 1995 foi encontrada e desde então está exposta no museu.

Iglesia de la Compañía
Iglesia de la Compañía – note a fachada da igreja e os desenhos de estética pré-colombiana.

Do lado da Praça de Armas fica a Iglesia de la Companhia, templo erguido pela Companhia de Jesus a partir de 1590.

Além da igreja ser belíssima, existe um pátio que conta com alguns restaurantes e no segundo andar um mirante com uma vista maravilhosa da cidade e três vulcões: El Misti, Chachani e Pichu Pichu.

  • Monastério de Santa Catalina
Monastério de Santa Catalina por arequipaperuestilo
Monastério de Santa Catalina – Imagem da Internet por: Arequipa Peru Estilo

Infelizmente, por ter feito o city tour por Arequipa por agência (e que não vale a pena e conto no post sobre o Mochilão), eu não pude conhecer o Monastério.

Seguindo da Plaza de Armas pela calle Santa Catalina, do lado esquerdo, depois de poucas esquinas, você encontra o monastério de Santa Catalina. Pode ser considerado a atração mais importante da cidade de Arequipa, inclusive ganha da catedral.

Foi fundado em 1579, e é gigantesco. Dentro da muralha existe praticamente um vilarejo. O local é o lar de freiras (até 1970 passavam a vida inteira enclausurada dentro do mosteiro).

Desde então, por conta da visita do Papa, na época, eles abriram para o público parte do monastério.

A entrada é um pouco salgada, custa 40 soles.

  • Mirante de Yanahuara

Mirador de Yanahuara
Mirador de Yanahuara

Essa atração fica um pouco distante das outras, pois não fica no centro da cidade. Porém, vale a pena pegar um transporte e chegar até o mirador de Yanahuara.

O mirante tem a mais bela visão do principal cartão postal da cidade, o vulcão Misti, além de uma praça com o mesmo nome e a igreja que batizou os dois.

img_2828
Paroquia de Yanahuara
Plaza de Yanahuara
Plaza de Yanahuara

Outras atrações de Arequipa que valem a pena:

  • Convento de Santa Teresa e Museu de Arte Colonial
  • Monastério de la Recoleta
  • Casa Museo Villalobos
  • Museo de Arte Contemporaneo Arequipa
  • Reserva nacional de Salinas e Aguada Blanca
  • La Mansion del Fundador
  • Mirante Carmen Alto
Anúncios

Autor: Paola Groberio

Carioca, 24 anos e estudante de História na Uff. Tenta conciliar sua rotina com viagens sempre que pode, porque não consegue passar um dia sem pensar em viajar. Quando consegue, pega sua mochila e parte por aí para passar por perrengues e ter as melhores experiências possíveis.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s