Meu primeiro Mochilão – A cidade branca de Arequipa

Cheguei na rodoviária de Arequipa por volta das 19 horas. De pronto, peguei um táxi, negociei o preço de 15 soles, divididos por 3, até o nosso hostel.

Tinha escolhido o Wild Rover para me hospedar em Arequipa (escolhi em Cusco e La Paz também). É uma rede de hostel famosa, que conta com uma boa estrutura e festas temáticas todas as noites.

O melhor Wild Rover, ao meu ver, foi o de Arequipa. É no centro mesmo, no final da rua é o Monastério de Santa Catalina e fica a duas quadras da Plaza de Armas.

Hostel Wild Rover
Hostel Wild Rover Arequipa

Fiz o check in no hostel e fui jantar. Na mesma rua encontrei um restaurante mexicano maravilhoso, voltei para comer nele no último dia também. Foi meu primeiro contato com a INCA KOLA.

Inca Kola
Refrigerante Inca Kola, o sabor dos deuses

Sabe paladar infantil? Eu não me desapeguei dele, então refrigerante com sabor de tutti frutti (ou o sabor de maravilha) me satisfaz e eu só bebi isso desde então.

Voltamos para o hostel, depois de jantar, tomamos um bom banho e fomos dormir.

Acordamos cedo no dia seguinte e fomos para a Plaza de Armas de Arequipa, para passear e para trocar dólares por soles.

A praça de Arequipa, foi sem dúvidas, a mais bonita praça de todo mochilão. A cidade realmente faz jus ao nome de Cidade Branca e seu centro histórico é muito bem cuidado e seguro.

Plaza de Armas de Arequipa
Plaza de Armas de Arequipa

A cidade de Arequipa conta com quase 1.000.000 de habitantes. Além de estar localizada a 2300 metros de altitude, em um vale das montanhas desérticas da cordilheira dos Andes, e rodeada por vários picos, entre os quais o de Misti, com cerca de 5822 metros de altitude.

A cidade foi fundada sobre uma cidade característica de cultura inca. E por isso, existe grande sincretismo religioso nas ornamentações das igrejas.

É mundialmente conhecida como “A cidade branca”, por ter grande parte dos edifícios construídos numa espécie de rocha vulcânica de cor branca, designada de “sillar”. E desde 2000, tem seu nome escrito na lista de Patrimônio Mundiais.

Iglesia de la Compañía
Iglesia de la Compañía – note a fachada da igreja e os desenhos de estética pré-colombiana.

Logo após a troca de dinheiro, fomos abordadas por um vendedor de passeios nos oferecendo o city tour por 30 soles. O city tour tinha 5 paradas, incluindo visitação de um local de lhamas e alpacas.

ERROR 404

Normalmente, para não dizer sempre, fazer esse tipo de passeio é furada. Você nunca fica o tempo que quer no local que quer, e te levam em outros tantos que não valem a pena. E foi o que aconteceu…

Compramos o city tour por 20 soles cada (pechinchamos) e também compramos na agência o Canion del Colca para o dia seguinte, por 75 soles (infelizmente, não tenho mais o nome da agência, mas sei o endereço – Pje. de la Catedral).

  • City Tour

Subimos em um daqueles típicos ônibus de turismo, com dois andares, sendo o segundo totalmente aberto. E começamos o city tour, quase sozinhas. Deveriam ter umas 5 pessoas apenas.

a cidade de Arequipa
A cidade de Arequipa e o vulcão El Misti

Antes de chegar na primeira parada, precisávamos sair da parte baixa da cidade para a parte alta, e nos deparamos com imagens lindíssimas da cidade aos pés das montanhas andinas.

a cidade de Arequipa
A cidade de Arequipa

MIRADOR DE YANAHUARA

Mirador de Yanahuara
Mirador de Yanahuara

Yanahuara é o nome de uma igreja, que contém as mesmas características da igreja da foto anterior. Todos os santos e ornamentos da igreja são sincretizados com elementos étnicos-culturais dos povos pré-colombianos.

img_2828
Paroquia de Yanahuara

Tivemos 30 minutos para aproveitar o mirador, a praça e tudo que está em sua volta, incluindo a paroquia.

No mirante, além de toda a cidade baixa de Arequipa, você fica de cara com o El Miste e toda a sua imponência. É tanta informação em um lugar que os 30 minutos não foram suficientes.

Plaza de Yanahuara
Plaza de Yanahuara

Quando retornamos para o ônibus, soubemos que iríamos nos juntar à outro grupo, pois éramos nem meia dúzia de pessoas.

city tour de arequipa
City Tour de Arequipa

MUNDO ALPACA

A segunda parada foi no Mundo Alpaca, e se não fosse por uma curiosidade nossa, a gente iria passar despercebida. Isso, porque o mundo alpaca é uma loja, com um mini zoológico no “quintal”.

Fazenda de Lhamas em Arequipa - Peru
Do mesmo jeito que a gente faz carão pra foto, a gente fica com medo da cusparada

Até a gente perceber que aquilo não era só uma loja, já havia se passado mais da metade do tempo. A parada foi de 40 minutos.

As outras 3 paradas não valem a pena o relato. Porque até hoje não entendi porque elas são paradas (e eu nem sei o nome).

Explicando, depois do Mundo Alpaca a próxima parada é em uma chácara para você andar em um micro lugar de cavalo, que paga à parte, ninguém pagou. Ficamos 30 minutos nessa parada fazendo nada.

A próxima é em um museu de touro (que eu nem sei o nome).

E a última é um casarão da época colonial que estava fechado, então nem paramos.

Com isso, por ter escolhido esse city tour, acabei não visitando o Monasterio de Santa Catalina, que eu estava louca para visitar. Afinal, é o primeiro lugar na lista do que fazer na cidade de Arequipa.

Plaza de Armas Arequipa
Plaza de Armas de Arequipa

Chegamos e a noite já estava caindo, ficamos por aproveitar a Plaza e a Catedral, que, se de dia é bonita, de noite é sensacional.

CATEDRAL DE AREQUIPA
Catedral de Arequipa

Jantamos em um restaurante da praça mesmo (nos demos essa mordomia) e fomos para o hostel descansar. Amanhã o dia começava as 4 da manhã.

Anúncios

Autor: Paola Groberio

Carioca, 24 anos e estudante de História na Uff. Tenta conciliar sua rotina com viagens sempre que pode, porque não consegue passar um dia sem pensar em viajar. Quando consegue, pega sua mochila e parte por aí para passar por perrengues e ter as melhores experiências possíveis.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s